Paulo Bornhausen
Participe

Notícias

“É a eleição da ética e da volta à decência na política”, afirma Paulo Bornhausen

unnamed

O candidato a senador Paulo Bornhausen encerrou sua campanha neste sábado, 04, com grandes caminhadas em Joinville. Ao longo dos últimos três meses, Bornhausen percorreu todas as regiões do Estado, mostrando os projetos que levará ao Senado, se for eleito.
“Esta é a eleiçao da ética e da volta à decência na política”, afirmou Bornhausen nesta sexta-feira, em Mafra, durante campanha no Planalto Norte.
Segundo pesquisa Accord/RIC, divulgada na noite de quinta-feira, Bornhausen lidera a disputa pelo Senado, com 28% das intenções de voto, seis pontos à frente do segundo colocado.
Paulo Bornhausen é atualmente deputado federal. Já foi deputado estadual e secretário de Desenvolvimento de Santa Catarina. Foi ele que trabalhou para trazer para o Estado a BMW, cuja fábrica inaugura na próxima semana.
“A BMW vai ajudar a elevar o nível de emprego e da educação em todo o Estado. Foi assim em todos os locais onde ela se instalou no mundo. Além de produzir carros de primeira linha, ela vai pagar impostos. E 25% desses impostos serão distribuídos entre todos os 295 municípios de Santa Catarina. Todo o Estado vai ganhar”, afirmou Bornhausen.
O candidato do PSB também liderou, no Congresso, a votação e aprovação da Lei da Ficha Limpa. Em sua opinião, a lei deve ser aperfeiçoada, para que candidatos que já tenham sido condenados pela Justiça não possam concorrer a cargos públicos.
“Vimos nessa disputa pelo Senado que ainda há problemas que devemos enfrentar. Candidatos que sistematicamente desrespeitam a lei não poderiam concorrer a um cargo no qual, sua principal função, será criar leis. É um contrassenso”, disse Bornhausen.
Apoiado pelos candidatos a presidente Aécio Neves (PSDB) e Marina Silva (PSB), Bornhausen também ressalta que esta é a eleição da mudança.
“O Brasil teve conquistas importantes nas últimas décadas, mas parou de crescer nos últimos anos. A inflação está de volta, os escândalos de corrupção se proliferam. É preciso mudar, renovar”, afirma.
Entre as principais propostas de Bornhausen, se eleito, está a votação do Saúde+10, que dará R$ 40 bilhões a mais por ano ao SUS, a conquista de uma unidade da Rede Sarah de Hospitais para Santa Catarina, a redução da maioridade penal em casos de reincidência e crimes hediondos. Bornhausen também pretende trabalhar por um novo pacto federativo, que distribua melhor os recursos para estados como Santa Catarina, que é um dos que mais contribui com impostos para a União.
“Um senador é uma espécie de governador em Brasília. Deve representar seu Estado no parlamento. Deve ter as mãos limpas, ser competente e, sobretudo, atuar sempre de cabeça erguida junto à Presidência da República. Minha experiência parlamentar me fez conhecer os bons caminhos de Brasília e me credenciou para entrar nessa disputa. É por isso que quero ser o senador de todos os catarinenses”, conclui Bornhausen.

Veja outras notícias

Biografia Saiba mais Paulo Faz Acontecer Saiba mais Paulo quer ser o senador de todos Saiba mais